Acne felina

Acne felina

A acne felina é uma condição dermatológica relativamente comum em gatos, independente de raça e sexo. Ocorre em felinos de qualquer idade, mas principalmente entre dois a quatro anos de idade. A hipótese é que seja causada por uma alteração da queratinização folicular, em que glândulas sebáceas do queixo passam a produzir maior quantidade de gordura, predispondo à acne. Os gatos acometidos comumente apresentam pontos pretos – os famosos comedos- no queixo e próximo aos lábios.

Alguns tutores podem confundir tais pontos com sujeira e poeira. Os comedos são associados ou não a eritema (vermelhidão), crostas e alopecia (falha de pêlos). Tal afecção raramente cursa com prurido (coceira). Em alguns casos, a situação pode se agravar, e o gato pode apresentar severa inflamação e infecção bacteriana secundária no local – as lesões podem cursar com drenagem de secreção purulenta e sanguinolenta, aumento de volume local, e inclusive febre.

Diagnóstico da acne felina

O diagnóstico da acne felina é clínico, com associação do histórico e sinais clínicos, realizado pelo médico veterinário. Em casos específicos, pode ser necessário a realização de exames complementares, como a citologia e a histopatologia. O tratamento geralmente é somente tópico, com aplicações de medicações locais de uma a duas vezes por dia até melhora das lesões. Compressas quentes no local ajudam na melhor absorção dos produtos.

Em casos graves, medicações sistêmicas, como antibiótico oral ou injetável e antiinflamatórios também são necessários. Após melhora dos sinais clínicos, é importante que a limpeza da região seja realizada regularmente, pois recidivas são muito frequentes.

Prevenção da acne felina

Para prevenção, uma dica importante é que os tutores troquem os pratos de plástico (que são um importante fator predisponente para a ocorrência da acne felina) por pratos de louça, vidro, cerâmica ou inox. A limpeza dos pratinhos deve ser realizada diariamente. O prognóstico da acne felina é bom, e tal alteração não é contagiosa.

Dra. Márcia Moller é especialista em Medicina Felina e pós-graduada em clínica médica e cirurgia de felinos pelo Instituto Qualittas.

Deixar uma resposta

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.